Cor do ano Pantone || Living Coral

O ano de 2019 já tem cor oficial. Chama-se Living Coral e tem como referência 16-1546. Depois do Ultra-Violeta é a vez do Coral Vivo ser a cor eleita pela Pantone para brilharmos ao longo deste ano. A empresa que produz os catálogos de cor mais conhecidos entre designers afirma ter escolhido esta cor para o ano de 2019 por ser um tom quente que representa por um lado vivacidade e por outro conforto.

“Com tudo o que está a acontecer hoje, estamos à procura de qualidades humanizadoras, porque estamos a ver a vida online a desumanizar muitas coisas. Estamos a olhar para as cores que alimentam e trazem conforto e familiaridade e que nos fazem sentir bem”, explicou Laurie Pressman, vice-presidente do Pantone Color Institute.

A escolha…

A escolha da Cor do Ano é um processo que requer uma análise detalhada das tendências. Para chegar à Cor do Ano, os experts em cores do Pantone Color Institute analisam detalhadamente as novas influências de cores. Esta pesquisa pode incluir a indústria do entretenimento e filmes ainda em produção, conhecidas exposições de arte, assim como destinos populares de viagens. As novas tecnologias, novas matérias primas, texturas e efeitos também têm impacto na escolha da cor.

Pantone Color Institute…

O Pantone Color Institute™ é a unidade comercial da Pantone que revela as cores usadas pelos designers em desfiles internacionais, lança tendências globais, e presta consultorias de cores para lançamentos de produtos e aconselhamento sobre a identidade visual da marca. 


Portugal eleito Melhor Destino do Mundo

Portugal foi eleito o “Melhor Destino do Mundo” pelo segundo ano consecutivo. O país ganhou um total de 17 “óscares do turismo”, atribuídos pelos World Travel Awards, numa cerimónia que decorreu no passado mês de Dezembro, no Pátio da Galé, em Lisboa.

Esta foi a primeira vez que a gala de entrega dos prémios — que já vai na sua 25.ª edição — se realizou em Portugal. O resultado desta edição dos World Travel Awards também é histórico, sobretudo quando comparado com os sete prémios que o país venceu no ano de 2017 e com os quatro atribuídos em 2016.

Portugal também já tinha sido reeleito, em Junho passado, o melhor destino turístico europeu pelo segundo ano consecutivo, numa competição em que também estavam nomeados a Áustria, Inglaterra, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Noruega, Espanha, Suécia, Suíça e Turquia.

Na cerimónia, Lisboa voltou também a ser eleita a Melhor Cidade Destino e o Melhor Destino City Break do Mundo, conseguindo pela primeira vez dois prémios em simultâneo. A ilha da Madeira foi considerada o Melhor Destino Insular do Mundo e os Passadiços do Paiva, distinguidos com o prémio de Melhor Atração de Turismo de Aventura do Mundo.

Mas há mais: o Turismo de Portugal é a Melhor Organização de Turismo, a Parques de Sintra — Monte da Lua, a Melhor Empresa em Conservação, a TAP venceu três prémios e cinco hotéis foram também premiados, como hotel ou pelo seu restaurante: Olissippo Lapa Palace Hotel, The Vine Hotel, Conrada Algarve, Corinthia Hotel Lisboa, Vila Joya Hotel Restaurant, no Vila Joya.


2019 || resoluções de Ano Novo

“Ano Novo, Vida Nova”, esta é a frase que muitos repetimos ano após ano, mesmo sabendo que nada vai mudar e que cada dia é feito de pequenas vitórias. Este ano não fiz uma lista de resoluções quase [in]concretizáveis, mas tenho algumas metas reais que apenas são possíveis de alcançar com empenho, dedicação, saúde e algum dinheiro.

1. Emprego – quero um emprego que me satisfaça pessoal e profissionalmente, sem chegar ao fim do dia psicologicamente desgastada. Porque não quero ser rica, mas apenas viver feliz.

2. Casa nova – sim, ando na luta por um cantinho nosso, minimalista e detalhadamente pensado para nos sentirmos bem e gostarmos de estar em casa.

3. Casamento – apesar de ser um bocado cedo para falar em organizar o casamento, a verdade é que por aqui fala-se em casar no primeiro semestre de 2020 e este ano também é de muita ponderação. Existem detalhes que têm que ser pensados ao pormenor para nada ficar esquecido.

4. Blogue – na blogosfera também vão mudar algumas coisas, a começar pelo nome do blogue e pelo tipo de postes.

Como o mais importante são as pequenas metas do dia-a-dia, também está nos planos fazer uma viagem, comer menos vezes em restaurantes/bares/cafés e ser menos impulsiva a fazer compras.

São estas as resoluções de Ano Novo que vos deixo, sem esquecer que é preciso que alguma coisa mude para que tudo fique na mesma.