Procurar casa em Lisboa, uma aventura!

05:30

Este post é para todas aquelas pessoas que já passaram pela aventura de encontrar uma casa ou quarto com as mínimas condições a um preço justo e especialmente para quem vive em Lisboa e vê-se obrigado a lidar com a especulação imobiliária. Como é que num país onde o salário mínimo é €560 um apartamento T1 custa €500 por mês? e pior do que isso, existem quartos a alugar a €400 por mês, em casas sobre lotadas, onde até da sala se faz um quarto. 

Quando o assunto é alugar quarto ou casa, começa a aventura. Primeiro iniciamos uma longa procura pela Internet em sites como o olx ou o custo justo. Depois de duas horas a ver casas caras e quartos deprimentes, lá encontramos o que procurávamos, mas quando telefonamos para agendar a visita somos informados que já não se encontra disponível. E a busca continua...! 


Já aluguei casas e quartos algumas vezes e sempre encontrei o que procurava. Nunca fiquei num local horrível, sem janelas, nada disso! Uma vez aluguei um apartamento em Lisboa, no bairro de Alfama, composto por quarto, sala, casa de banho e cozinha. O essencial para uma só pessoa. Ficava perto do Panteão Nacional e bastava descer a calçada para apanhar o metro em Santa Apolónia. Da janela da sala podia ver o rio Tejo e ao fundo o Cristo-Rei. E à noite não precisava sair de casa para ouvir um fado. Até parece que tudo era perfeito, só que não. Imaginem que a casa tinha baratasssss... que nojo! E por tudo isto, incluindo as baratinhas, pagava €400 mensais. 

Isto foi em 2012 e depois regressei ao meu Alentejo, onde a vida passa mais devagar. Mas agora foi necessário procurar novamente casa em Lisboa. E por onde começar? sentada numa paragem de autocarro da freguesia de Arroios comecei a pesquisar na Internet quartos em Lisboa. Liguei para um e fui informada que estava ocupado, liguei para outro e não atendeu... e decidi que estava cansada, por isso fui para casa de uma amiga. Sentada no sofá continuei a procurar o quarto ideal para uma temporada na capital. 

Liguei para mais um anuncio e atendeu uma senhora que disse ter o quarto disponível, mas começou por falar das regras da casa, de não chegar demasiado tarde, não fumar em casa, não levar homens para dentro de casa... disse logo que aceitava as regras e queria era ir ver o quarto. A senhora foi buscar-me de carro a um local combinado e lá fomos ver o quarto. Parece que a busca chegou ao fim... é uma suite, com wc completo, cama de casal, roupeiro, mesa de cabeceira e 'espaço sala' com sofá e móvel, onde tem cabos para ligar a televisão. Como fica num terceiro andar, a vista para o rio é maravilhosa, sim, porque o quarto tem janela. 

Espero que tenham gostado deste relato!

Talvez também gostes destas histórias!

1 comentários

  1. O pior de tudo é que muitas dessas rendas nem sequer nos dão direito a um recibo. Há pessoas que não querem ver a realidade...

    ResponderEliminar